Jornal do Brasil

Segunda-feira, 1 de Setembro de 2014

Rio

Em protesto contra a repressão em SP, internautas marcam 'rolezinho' no Leblon

Jornal do Brasil

Após a polêmica envolvendo os shoppings paulistas, internautas estão se mobilizando nas redes sociais para realizar um "rolezinho" no Shopping Leblon, na Zona Sul do Rio. O ato está marcado para o próximo domingo (19) à tarde.

"Em apoio à galera de São Paulo, contra toda forma de opressão e discriminação aos pobres e negros, em especial contra a brutal e covarde ação diária da polícia militar no Brasil, seja nos shoppings, nas praias ou nas periferias", diz o texto de convocação na página "Rolezinho no Shopping Leblon", no Facebook. Até as 15h20 desta segunda-feira (13), 3.902 confirmações estava, registradas.

No último sábado, houve confusão envolvendo um grupo de jovens que havia organizado um ‘rolezinho’ no shopping Itaquera, na zona leste de São Paulo, e a Polícia Militar.

>> "Pobre é 'rolezinho', rico é flashmob", dizem internautas sobre polêmica

>> Haddad pede atenção especial com "rolezinho" e busca espaços para jovens

O encontro de mais de 1 mil pessoas no shopping terminou com o uso de bombas de gás lacrimogêneo e de efeito moral, além de balas de borracha, pela PM, que foi acionada para conter os jovens. Apesar do tumulto, a assessoria do shopping informou que não houve registro de furto ou roubo.

Os ‘rolezinhos’, grandes encontros organizados geralmente por jovens da periferia em shoppings, já causaram transtornos a frequentadores de shoppings como o JK e o Iguatemi. Parte da população se mostrou indignada e pediu a intervenção policial para conter os atos.

O prefeito de São Paulo Fernando Haddad afirmou, nesta segunda-feira, que pediu às secretarias municipais de Cultura e Igualdade Racial uma atenção especial com os “rolezinhos”. A ideia, segundo Haddad, é criar mais espaços públicos aos jovens de São Paulo para que possam “usufruir na cidade”.

No último fim de semana, o shopping de luxo JK Iguatemi, em São Paulo, anunciou que obteve uma liminar na Justiça paulista que autoriza a proibição do “rolezinho”. De acordo com o prefeito, a liminar foi uma surpresa.

Tags: encontro, justiça, polêmica, shopping, SP, vídeo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.