Jornal do Brasil

Sábado, 22 de Novembro de 2014

Rio

Polícia interdita curso que funcionava irregularmente em Campo Grande

Agência Brasil

Policiais da Delegacia do Consumidor (DECON) interditaram, na manhã  desta sexta-feira, um curso técnico e pré-técnico de enfermagem que funcionava, irregularmente, na Rua Professor Gonçalo, nª 169, em Campo Grande. De acordo com os agentes, o estabelecimento também ministrava aulas para ingresso na Polícia Militar.

Segundo as informações, o curso atuava sem autorização da Secretaria Estadual de Educação e cobrava uma mensalidade no valor de  cerca de R$ 200 a R$ 300 por aluno.

De acordo com os policiais, o estabelecimento chegou a funcionar no número 63 da Rua Olinda Ellis, no mesmo bairro, mas mudou de endereço para fugir da fiscalização.

Três funcionários, incluindo o gerente do estabelecimento, foram encaminhados à especializada, para prestar depoimento. Eles podem responder por crime contra a ordem tributária, econômica e relações de consumo. No local, os agentes apreenderam grande quantidade de material, como ficha de alunos e de professores.

Tags: curso, decon, enfermagem, fiscalização, técnico

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.