Jornal do Brasil

Quinta-feira, 24 de Abril de 2014

Rio

Técnicos buscam soluções para melhorar tráfego nas imediações da Novo Rio

Jornal do Brasil

Técnicos envolvidos no projeto de instalação de um ponto provisório de ônibus no bairro de São Cristóvão, que receberia algumas linhas que operam na Rodoviária Novo Rio, reúnem-se às 15 horas desta quarta feira (18), na sede da Secretaria Municipal de Transportes, na Rua Afonso Cavalcanti, 455 – Cidade Nova. 

A reunião acontece após especialistas terem concluído pela inviabilidade da obra, e tem como objetivo buscar soluções para melhorar a circulação dos ônibus de viagem que demandam à rodoviária no período entre as festas natalinas e a Semana Santa.

A exiguidade de tempo foi apontada como principal fator para a inviabilização da iniciativa, já que não haveria tempo de se aparelhar o local com a infraestrutura necessária, considerando-se como tal a instalação de linhas telefônicas, serviços de internet, sonorização para avisos aos passageiros, além de caixas eletrônicos para movimentação bancária.

Também não haveria tempo para adoção de serviços de guarda-volumes, carregadores, táxis e sanitários, tanto os apropriados para o público em geral, quanto os destinados aos portadores de necessidades especiais.

Na análise de viabilidade foram apontados como fatores negativos a falta de tempo para que os detentores de passagens compradas antecipadamente fossem avisados da mudança no local de seu embarque e desembarque. Estima-se que setenta por cento dos bilhetes para o período das festas de fim de ano tenham sido adquiridos com antecedência. Não haveria tempo, também, para contar com efetivos que cuidassem da segurança do público.

Com vistas à racionalização operacional da Rodoviária Novo Rio nos próximos feriados de grande movimentação de ônibus de viagem, os responsáveis pela Rodoviária vão pleitear à Secretaria Municipal de Transportes a cessão de espaço em um terreno situado na Avenida D. Pedro Segundo, o que desafogaria o tráfego na região.

No local os ônibus aguardariam o momento de acostar na Novo Rio para o embarque dos viajantes. Esse espaço, que funcionaria como espécie de um bolsão de espera reduziria a possibilidade de que o acesso dos ônibus ao Terminal causasse problemas de congestionamento na área.

A Rodoviária Novo Rio, apontada como referência em todo o país, funciona abaixo do seu limite operacional. Suas 78 plataformas têm capacidade para o embarque e desembarque de 230 ônibus/hora. Os números atestam que a Rodoviária tem condições de absorver a demanda de passageiros por ocasião dos próximos festejos natalinos.

Tags: movimento, Natal, Rio, rodoviário, terminal

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.