Jornal do Brasil

Sexta-feira, 18 de Abril de 2014

Rio

Prefeito do Rio pede que população evite sair de casa por causa da chuva

Paes disse que a cidade se "comportou mal" diante da chuva

Jornal do Brasil

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, pediu à população que evite sair de casa por causa das fortes chuvas das últimas horas. "Nosso pedido é para quem não tiver que sair de casa evite o deslocamento", declarou. Paes ressaltou que essa medida, de ficar em casa na medida do possível, pode ser uma arma importante para evitar mortes.

"Esse é um problema antigo do Rio. A gente está fazendo muito reassentamento, muita obra de contenção. Mas ainda vai demorar muito tempo e a gente ainda vai ter, por muito tempo, pessoas morando em áreas de risco. O que a gente pode fazer é evitar mortes com o sistema funcionando bem", disse.

O prefeito ficou surpreso com os alagamentos em bairros como Irajá e Pavuna. Segundo ele, a situação atípica tem a ver com problemas de drenagens dos rios da região, o que deve ser revisto. Paes disse que a cidade se comportou mal diante da chuva.

"Não faço uma avaliação nada boa. Vamos apurar o que causou todos esses alagamentos", afirmou.

Duas pessoas teriam sido soterradas no desabamento de uma casa no bairro de Anchieta, na Zona Norte do Rio. O Corpo de Bombeiros está vasculhando o local em busca de corpos.    

A estação de trem São Francisco Xavier, no Rocha, também na Zona Norte, está completamente alagada. Para pegar o trem ou atravessar para chegar na Avenida Marechal Rondon, uma das principais vias de acesso ao Méier, no subúrbio, é preciso quase mergulhar no acesso às roletas da estação.    

Tags: avaliação, cidade, enchentes, prefeito, temporais

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.