Jornal do Brasil

Quarta-feira, 16 de Abril de 2014

Rio

Ipem/RJ inicia Operação Natal nesta segunda-feira

Jornal do Brasil

Fiscais da diretoria de Qualidade e de Metrologia Legal do Instituto de Pesos e Medidas do Estado do Rio de Janeiro (Ipem/RJ) começam nesta segunda-feira a Operação Natal, que tem a finalidade de verificar se a qualidade e procedência dos brinquedos e produtos natalinos comercializados em shoppings e lojas de varejo estão dentro das normas exigidas por lei. 

"A proximidade das festas de fim de ano aumenta consideravelmente o número de produtos importados comercializados, por isso, existe a necessidade de se intensificar a fiscalização para resguardar a segurança e o direito do consumidor, principalmente em relação aos pisca-piscas, que já precisam sair das fábricas dentro das novas normas de tensão", disse Soraya Santos, presidente do Ipem/RJ.  

Em relação aos produtos embalados, como nozes, passas, bacalhau e panetones, a presidente lembra da necessidade do consumidor de conferir na hora, em uma balança do próprio supermercado, o peso do produto que está levando.

"Se a diferença for muito grande, mesmo com uma balança comum é possível verificar a irregularidade. Por exemplo, se o produto apresentar peso igual ao informado na embalagem é sinal de que há algum problema, pois o peso da embalagem deve ser descontado do total. A necessidade de se verificar o prazo de validade do produto também deve ser considerada", explicou.

Para ela, é importante que o consumidor participe da fiscalização. Para isso, basta que ele ligue, em caso de dúvida em relação a algum produto, para a ouvidoria do Ipem/RJ através do 0800.282.3040 e faça sua reclamação. Os lojistas que tiverem produtos apreendidos terão o prazo de dez dias para apresentarem a nota fiscal de origem e compra, caso contrário, poderão ser receber multa que varia de R$ 10 mil à R$ 60 mil.

Tags: ação, fiscais, instituto, Medidas, pesos

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.