Jornal do Brasil

Quinta-feira, 16 de Agosto de 2018 Fundado em 1891

País

Cesar Maia quer fechar aliança com PSDB

Jornal do Brasil

O candidato tucano Geraldo Alckmin (PSDB) ganhou um aliado de peso na sua batalha pela aliança com o Democratas, que lidera o bloco de partidos do chamado Centrão. O vereador e ex-prefeito do Rio de Janeiro, Cesar Maia, tem insistido com o filho, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, para desistir do apoio a Ciro Gomes. 

Antigo aliado de Alckmin, o ex-prefeito acredita que do ponto de vista programático, o DEM tem mais a ganhar com o PSDB. A preocupação em relação a Ciro se dá especialmente por conta das promessas de campanha no campo econômico. O candidato do PDT pretende rever medidas adotadas pelo governo atual, de cuja base tanto DEM quanto PSDB participam. Ciro já deixou claro, por exemplo, que pretende revogar a reforma trabalhista. 

Rodrigo Maia ainda cogita apoio do DEM a Ciro

O presidente do partido, Antônio Carlos Magalhães Neto, prefeito de Salvador, desembarca hoje em Brasília para novas rodadas de negociações. Ele terá encontros com os dois grupos. Neto não nega que também é favorável à aliança com os tucanos mas, pela liturgia do cargo, age de maneira pragmática. “Ainda pairam muitas dúvidas em relação à viabilidade eleitoral de Alckmin. Esse é o principal nó que impede a oficialização da aliança”, diz uma fonte democrata que acompanha as negociações. “Há, no partido, o reconhecimento de que Ciro e o PDT estão muito distantes do perfil político do Democratas. A questão é que ele está se mostrando muito mais convincente do que Alckmin”, completa. 

A semana será decisiva para os partidos. Na sexta-feira (20) tem início o prazo para a realização das convenções partidárias que vão oficializar as candidaturas. Por causa da indefinição, o DEM achou por bem marcar a sua convenção para o dia 2 de agosto, mas Neto prometeu oficializar a decisão que submeterá aos convencionados até sexta.



Tags: alckmin, cesar maia, dem, política, psdb

Compartilhe: