Jornal do Brasil

Quinta-feira, 22 de Fevereiro de 2018 Fundado em 1891

País

Amigos e familiares se despedem do jornalista José Negreiros

Ex-editor do 'JB' morreu na segunda-feira, aos 68 anos

Jornal do Brasil

Família, amigos e colegas de trabalho se despediram, nesta terça-feira (13), do jornalista José Negreiros, que morreu na tarde de segunda-feira (12), aos 68 anos, em decorrência de um câncer. O velório foi realizado na Capela 10 do Campo da Esperança, na Asa Sul, em Brasília.

O maranhense José Negreiros deixou mulher, a jornalista Luciana Bezerra, e três filhos: Beatriz, Cintia e Thiago. Ele foi editor do JORNAL DO BRASIL, e atuou nas áreas de economia e política.

Negreiros se formou pela Universidade de Brasília (UnB), e teve uma extensa carreira passando pelas principais redações do país. Além do JB, passou pelo Correio Braziliense, Gazeta Mercantil, O Estado de S. Paulo e O Globo. Master em Jornalismo pela Universidade Navarra e Instituto Internacional de Ciências Sociais (SP), estava trabalhando atualmente como editor na empresa Arko Advice.

Jornalista José Negreiros morreu aos 68 anos, em Brasília
Jornalista José Negreiros morreu aos 68 anos, em Brasília

Negreiros é lembrado por amigos e colegas como um jornalista incansável, com foco no leitor e raro faro para descobrir talentos. 

O governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, lamentou a morte do jornalista. Em nota ele afirmou que Negreiros foi um dos maiores jornalistas que Brasília e o Brasil conheceram.

“Lúcido, sagaz, era capaz de construir análises políticas dificilmente superadas pelo fato, tal sua capacidade de interpretar o jogo político. Entendia de comunicação como poucos. Compartilhei de sua amizade, ouvi conselhos e sempre vi seu amor pela cidade; seu compromisso para que fizéssemos um bom governo, sempre com boas sugestões. Como brasiliense e governador de Brasília, lamento a perda de Negreiros, me solidarizo com a família e me irmano em suas orações.”

Tags: despedida, editor, jornalista, morte, negreiros

Compartilhe: