Jornal do Brasil

Sexta-feira, 25 de Maio de 2018 Fundado em 1891

País

Lula: "Duvido que os juízes que vão me julgar estejam tão tranquilos quanto estou" 

Ex-presidente recebeu apoio de artistas e intelectuais em ato em SP

Jornal do Brasil

Na noite de quinta-feira (18), artistas e intelectuais de São Paulo fizeram um ato de apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que terá seu recurso julgado no próximo dia 24 pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), em Porto Alegre.

Ao comentar suas expectativas para a data do juízo em segunda instância do processo do Triplex no Guarujá, Lula afirmou estar tranquilo. "Duvido que os juízes que já me julgaram e os que vão me julgar estejam tão tranquilos quanto estou. Estou com a tranquilidade dos justos e dos inocentes. Eu sei que não cometi nenhum crime", declarou.

Lula disse que apenas espera que seus juízes leiam as peças processuais da acusação e da defesa e que decidam com base nos autos. Sobre a ação, o ex-presidente destacou que trata-se de um processo submetido à imprensa. "Uma vez um sociólogo inglês disse que a desgraça da primeira mentira é que você passa o resto da vida mentindo pra justificá-la. Mentiu a Polícia Federal da Lava Jato, mentiu a Força Tarefa da Lava Jato no Ministério Público e mentiu o Moro. Porque eles estavam com o rabo preso com a mídia", avaliou.

Ato de apoio a Lula, em São Paulo, lotou a Casa de Portugal

O ex-presidente questionou comentários do mercado financeiro de que ele estaria adotando uma postura "mais radical". "Eu não tô mais radical, eu tô mais consciente. E eu já não posso ser mais radical, mas também não posso mais ser o Lulinha Paz e Amor. Dei amor e só tomei porrada. Eu quero é provar pra eles que não tem jeito de consertar esse país se o povo pobre não estiver incluído na economia", destacou.

Artistas e intelectuais com Lula

Realizado na Casa Portugal, o ato desta quinta-feira (18) contou com diversas apresentações e declarações de apoio. Entre as figuras presentes, a cantora Ana Cañas, o humorista Gustavo Mendes, o escritor Raduan Nassar, a cineasta Laís Bodanzky, o cantor e compositor Odair José, os atores Ailton Graça e Pascoal da Conceição, o rapper Thaíde, o líder do MTST, Guilherme Boulos, além de diversas personalidades do mundo jurídico. 

Na terça-feira, milhares de pessoas já haviam se reunido no encontro de artistas e intelectuais em defesa de Lula no Rio de Janeiro. 

>> Em evento no Rio, Lula ataca presidente do TRF4: "Espero que não tomem decisão política"



Tags: apoio, ato, julgamento, lula, paulo, são, trf

Compartilhe: