Jornal do Brasil

Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

País

Senadora defende funcionalismo público dos "ataques do governo"

Agência Senado

A senadora Fátima Bezerra (PT-RN) afirmou nesta quarta-feira (22) ser solidária à luta dos servidores públicos federais. Segundo ela, os funcionários do Poder Executivo federal não têm salários altos, alguns deles são inferiores aos da iniciativa privada, e também não possuem direito ao FGTS.

Para a senadora, a estabilidade no cargo dos servidores é necessária para evitar o aparelhamento do serviço público pelo partido que está no poder.

De acordo com Fátima Bezerra, o ataque aos funcionários públicos começou com a medida de incentivo à demissão voluntária, passando pelo adiamento do reajuste salarial previsto para o ano que vem, até o aumento da alíquota previdenciária do funcionalismo.

A senadora lamentou que o governo não faça mudanças essenciais em outras áreas, como a repartição tributária brasileira.

"O governo alega, de um lado, que as medidas que promovem ataques aos servidores são necessárias para gerar recursos, mas de outro, premia segmentos financeiros empresariais com descontos e perdões de dívidas que consomem e consumirão bilhões de reais em renúncias fiscais", comparou.

Estabilidade é necessária para evitar aparelhamento do serviço público pelo partido que está no poder
Estabilidade é necessária para evitar aparelhamento do serviço público pelo partido que está no poder

Tags: brasil, estabilidade, governo federal, política, senado, servidores, trabalho

Compartilhe: