Jornal do Brasil

Domingo, 17 de Dezembro de 2017

País

Joesley não teria como provar suposta conta de Lula e Dilma na Suíça

Colunista recomenda não esperar "extratos da 'conta na Suíça'" citada por empresário

Jornal do Brasil

O empresário Joesley Batista não teria como provar a existência da conta secreta que ele disse que criou para Lula e Dilma na Suíça. "Não espere extratos da 'conta na Suíça' de Lula e Dilma", diz Lauro Jardim em nota publicada no O Globo deste domingo (9). De acordo com o jornalista, "Joesley tem dito que dava o dinheiro em reais quando Guido Mantega pedia, e 'descontava' da tal conta suíça". "O que teria sobrado serviu para ele comprar alguns bens e o resto foi repatriado em 2016." 

Em rede social, o ex-presidente Lula frisou que "acusações sem provas são manchetes" e "provas da inocência só notas de rodapé". "Mais uma acusação ficcional, sem pé nem cabeça, contra Lula e Dilma que cai por terra", reforçou. 

"Mais uma acusação ficcional, sem pé nem cabeça, contra Lula e Dilma que cai por terra", diz Lula 
"Mais uma acusação ficcional, sem pé nem cabeça, contra Lula e Dilma que cai por terra", diz Lula 

Joesley afirmou na delação premiada ao Ministério Público Federal que criou uma conta para Lula e outra para Dilma, que seriam abastecidas com dinheiro supostamente desviado de esquemas de corrupção em órgãos do governo federal, com auxílio do ex-ministro Guido Mantega. O delator disse que o fundo chegou a computar cerca de US$ 150 milhões.

>> Haddad: Dilma e Lula foram alertados por Putin e Erdogan sobre protestos de 2013

>> Lula presta depoimento a Sérgio Moro na Justiça Federal de Curitiba

Tags: investigações, jbs, joesley, lava jato, pt

Compartilhe: