Jornal do Brasil

Sábado, 23 de Junho de 2018 Fundado em 1891

País

Entidade italiana alerta sobre consumo de carne do Brasil

Operação 'Carne Fraca' acusou frigoríficos de adulterarem carnes

Jornal do Brasil

Após a Europa, China, Coreia do Sul e Chile informararem nesta segunda-feira (20) o Ministério da Agricultura de que suspenderão as importações de carnes brasileira, a Confederação Nacional dos Cultivadores Diretos (Coldiretti) afirmou, em nota, que o polêmico caso sobre a venda de carnes podres é "um risco para os cidadãos europeus e precisa ser resolvido imediatamente para não colocar em risco a saúde do consumidor".    

Segundo o comunicado, "a Itália é um dos maiores importadores de carne do Brasil, com uma quantidade superior a 30 milhões de quilos que atravessaram as fronteiras em 2016".    

No entanto, assim como a UE , o país espera que o Brasil retire as companhias da lista de exportação, mas, caso contrário, o país sofrerá com as restrições.    

"As investigações da polícia brasileira envolve boa parte dos maiores produtores de carne, que têm interesses na Itália, e teriam adulterado a mercadoria usando componentes químicos", diz a nota.



Tags: agencia, ansa, brasil, internacional, italia

Compartilhe: