Jornal do Brasil

Sexta-feira, 24 de Outubro de 2014

País

Conselho de Ética da Câmara instaura processo contra Rodrigo Bethlem

Agência Brasil

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara dos Deputados instaurou hoje (2) o processo (16/2014) para investigar quebra de decoro parlamentar do deputado Rodrigo Bethlem (PMDB-RJ). Na lista tríplice sorteada para definir quem será o relator estão os nomes de Wladimir Costa (SD-PA), Paulo Freire (PR-SP) e Sérgio Moraes (PTB-PR).

O presidente do colegiado definirá qual dos três parlamentares ficará responsável pelo processo. Bethlem é acusado de desvio de recursos enquanto ocupava a Secretaria Municipal de Assistência Social do Rio, na administração do prefeito Eduardo Paes.

A representação contra Bethlem foi apresentada no início de agosto pelo PSOL, que acusou o ex-secretario carioca de receber dinheiro para beneficiar a organização não governamental Casa Espírita Tesloo, entre 2010 e 2012.

Na denúncia, o partido ainda afirma que o parlamentar não declarou à Justiça Eleitoral uma conta bancária na Suíça e revela o conteúdo de gravações em que Bethlem declara receber R$ 100 mil por mês, em função de convênios da prefeitura com uma organização não governamental que realizava o cadastro de famílias em programas sociais.

Em outro caso, o colegiado ouvirá agora duas testemunhas arroladas pela defesa do deputado Luiz Argôlo (SD-BA), que responde a processo de cassação por envolvimento com o doleiro Alberto Youssef: Akauã Simões e Josias Miguel dos Santos, que confirmaram presença. Os advogados não informaram o envolvimento de cada um deles com o caso.

Tags: bethlem, câmara, decoro, dinheiro, ONG, quebra

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.