Jornal do Brasil

Segunda-feira, 15 de Setembro de 2014

País

DEM pedirá que CPI da Petrobras ouça contadora de Youssef

Portal Terra

O deputado federal Mendonça Filho (PE), líder do Democratas na Câmara, afirmou, neste sábado, que o partido vai entrar com um requerimento na Comissão Parlamentar de inquérito (CPI) da Petrobras para ouvir a ex-contadora do doleiro Alberto Youssef, Meire Bonfim da Silva Poza.

Segundo matéria do jornal Folha de S. Paulo, Meire revelou em depoimento à Polícia Federal detalhes sobre pagamentos por serviços de consultoria de firmas do doleiro feitos por empresas que, segundo ela, sabiam que estavam contratando uma fraude. A contadora teria citado o caso da Mendes Júnior, integrante de um consórcio que fez obras na refinaria da Petrobras em Paulínia (SP), pelas quais recebeu pouco mais de R$ 1 bilhão.

“A senhora Meire Poza acaba de se tornar a testemunha chave para o desenrolar da investigação na CPI. A necessidade de sua presença na CPI é urgente”, disse Mendonça.

Além do convite à CPI, o deputado afirmou que também vai protocolar um requerimento de convite na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Casa. De acordo com ele, Meire vai ajudar a Câmara a revelar quem são os outros deputados federais da base aliada que se beneficiaram do esquema de lavagem de dinheiro e propina.

“A Câmara precisa apurar quais de seus membros estiveram envolvidos nesse esquema de corrupção. A vinda de Meire Poza à Comissão de Fiscalização vai nos fundamentar para tomarmos as medidas necessárias contra todos aqueles se beneficiaram desse esquema nefasto que só faz crescer a cada denúncia que aparece na imprensa”, declarou Mendonça.

Tags: acusação, comissão, doleiro, investigação, Petrobras

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.