Jornal do Brasil

Sexta-feira, 19 de Dezembro de 2014

País

Grupo de extermínio que enterrava vítimas é investigado em Alagoas

Portal Terra

Três pessoas foram presas pela Polícia Civil de Alagoas por suspeita de integrar um grupo de extermínio em Maceió (AL). Segundo a investigação, as vítimas eram enterradas sem identificação no São José, o maior cemitério público do Estado, localizado no bairro Trapiche.

Até o início da tarde desta quarta-feira, dois corpos com características de execução foram exumados no cemitério. Uma parte do local foi isolada para o trabalho dos peritos. O resultado final está previsto para sair em 15 dias pelo Instituto Médico Legal da capital. 

O grupo teria ao todo cinco a seis pessoas. Os detalhes das execuções foram revelados por um dos presos, que recebeu delação premiada. Ele apontou o local exato onde estava um dos corpos. As escavações foram autorizadas pelo juiz da 8ª Vara Criminal da Capital, John Silas.

“Averiguamos corpos crivados de balas na cabeça”, adiantou o delegado Denisson Albuquerque. A polícia não divulgou nomes dos presos ou detalhes dos crimes porque a investigação corre em sigilo. 

Tags: crimes, enterro, investigação, Maceió, polícia

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.