Jornal do Brasil

Segunda-feira, 22 de Setembro de 2014

País

Luciana Genro defende reforma agrária contra inflação dos alimentos

Agência Brasil

A candidata à Presidência da República Luciana Genro (PSOL) defendeu hoje (28) a reforma agrária como forma de combater a inflação dos alimentos. A candidata esteve no acampamento Dom Tomás Balduíno, do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), no município de João Câmara, Rio Grande do Norte, onde lançou o programa de reforma agrária do seu partido.

“A reforma agrária é uma medida fundamental para combater a inflação dos alimentos. Em vez de aumentar a taxa de juros, o governo deve fortalecer a agricultura familiar, que põe comida na mesa da cidade”, declarou a candidata. De acordo com a assessoria de comunicação da campanha de Luciana, o programa do PSOL é o mesmo que o MST aprovou em congresso neste ano. A proposta dá ênfase à agricultura camponesa, em lugar do agronegócio.

O candidato Mauro Iasi (PCB) também cumpriu agenda de campanha, no Maranhão. Ele participou de debate com militantes e apoiadores na sede do partido, em São Luís, capital do estado. No evento, ele criticou o modelo capitalista. “A sociedade capitalista, que prometia a igualdade e fraternidade, produziu a mais desigual, injusta e degenerada forma social que a sociedade humana já conheceu. Nós, socialistas e comunistas, afirmamos que os problemas do mundo contemporâneo têm raiz na forma social de produção e distribuição de riqueza”, disse. À noite, Iasi participa do Encontro Nacional de Estudantes de Ciências Sociais, na Universidade Estadual do Maranhão.

Tags: campanhas, candidatos, presidencial, psol, sucessão

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.