Jornal do Brasil

Terça-feira, 21 de Outubro de 2014

País

Homem morre após hospital particular de SP recusar atendê-lo

Testemunhas afirmam que Nelson França morreu após esperar por socorro por mais de uma hora

Portal Terra

Um homem morreu depois que funcionários de um hospital particular de São Paulo se recusaram a atendê-lo. Após passar mal, Nelson França se deitou em frente à cancela do estacionamento do hospital Santo Expedito, a poucos metros do pronto-socorro da unidade. As informações são doJornal da Globo.

Testemunhas que presenciaram a cena afirmaram que Nelson ficou deitado no chão pedindo socorro por cerca de uma hora. Segundo eles, um enfermeiro disse que a equipe do hospital não podia fazer o atendimento do lado de fora e que o homem não poderia ser levado para dentro do hospital.

Imagens feitas por uma testemunha com um celular mostram um rapaz vestido de verde, que seria um enfermeiro da unidade, dizendo que uma viatura foi chamada para atender Nelson.

De acordo com um dos bombeiros que atenderam Nelson, ele estava inconsciente assim que a equipe chegou ao local. Foi feita massagem cardíaca e os sinais vitais voltaram. Ele foi levado para um hospital municipal a três quilômetros, onde morreu. Segundo o bombeiro, o hospital particular não fez um chamado oficialmente. 

Tags: atendimento, Hospital, particular, santo expedito, são paulo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.