Jornal do Brasil

Sexta-feira, 24 de Outubro de 2014

País

Polícia indicia nove por acidente no Itaquerão, sendo sete da Odebrecht

Jornal do Brasil

 A Polícia Civil indiciou nove pessoas pelo acidente em novembro que matou dois operários na Arena Corinthians, em Itaquera, na Zona Leste de São Paulo.

No dia 27 de novembro de 2013, parte da cobertura metálica do estádio, localizado na Zona Leste de São Paulo, desabou, resultado da queda de um guindaste em um dos lados da arena, atingindo o painel de led que cobria toda a parte externa desse setor.

Dos nove citados na ação, sete funcionários trabalhavam para a Odebrecht, entre eles, três engenheiros responsáveis pela construção do estádio, que foi palco de abertura da Copa do Mundo de 2014, no dia 12 de junho. Os outros dois são da Locar, empresa contratada para operar o guindaste.

Acidente na obra do Itaquerão
Acidente na obra do Itaquerão

No mês passado, o laudo do Instituto de Criminalística concluiu que o acidente foi causado porque o solo sob o guindaste sofreu afundamento. Segundo o delegado responsável pela investigação, Luiz Antonio da Cruz, titular do 65º distrito policial, de Arthur Alvim, uma fiscalização mais rigorosa teria percebido que a estrutura não ia suportar o peso do equipamento. Se condenados, penas podem variar de 1 a 3 anos de prisão.

Com Brasil 247

Tags: acidente, Copa, empreiteira, estáduio, morte

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.