Jornal do Brasil

Sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

País

RS: municípios atingidos pela chuva já são 133

Agência Brasil

Chega a 133 o número de municípios afetados pela chuva no Rio Grande do Sul, dos quais 89 estão em situação de emergência. Iraí e Barra do Guarita decretaram estado de calamidade pública. Segundo a Defesa Civil Estadual, 20.436 pessoas tiveram que deixar suas casas devido a enxurradas e alagamentos. Desse total, 18.668 estão desalojadas e foram para as casas de parentes e amigos. Mais 1.768 estão em abrigos públicos

Os temporais causaram duas mortes: de José Lindomar da Silva, em Jacutinga, e Eracildo Luiz Assmann, 56 anos, em Arroio do Tigre. Paula Thon, 23 anos, continua desaparecida em Arroio do Tigre, onde os bombeiros fazem buscas.

De acordo com a Somar Meteorologia, a chuva deve dar uma trégua nos próximos dias no estado. Nesta segunda-feira (7), os ventos, de moderados a fortes, associados a uma massa de ar frio, provocam acentuado declínio da temperatura e o tempo fica mais firme.

O governo estadual decretou situação de emergência em 13 trechos de rodovias estaduais afetados por deslizamentos e inundações, com o objetivo de agilizar o repasse de recursos para a recuperação das estradas. A medida foi publicada hoje (7) no Diário Oficial do estado. Entre as rodovias atingidas estão a ERS-431, entre Bento Gonçalves e Dois Lajeados, e a VRS-804 (estrada vicinal), entre Santa Maria e Silveira Martins.

Na sexta-feira (4), foi publicado decreto estadual de situação de emergência de 67 municípios e de calamidade pública de Iraí e Barra do Guarita. A medida visa a acelerar a liberação de recursos e o atendimento às vítimas das enchentes.

Também na sexta-feira, a presidenta Dilma Rousseff viajou a Porto Alegre e se reuniu com o governador Tarso Genro e com prefeitos de 14 cidades atingidas. Ela garantiu que o governo federal vai apoiar a reconstrução das áreas afetadas pelas enchentes.

Tags: brasil, chuva, enchente, inundação, Sul

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.