Jornal do Brasil

Sexta-feira, 28 de Novembro de 2014

País

Eleição: no Rio, Dilma elogia Pezão, sucessor de Cabral, que se une a Aécio

Jornal do Brasil

A presidente Dilma Rousseff (PT) já declarou diversas vezes que, no Rio, apoiará a candidatura de Luiz Fernando Pezão ao governo. Em mais de uma oportunidade, teceu elogios ao atual governador, que agora se alia a Aécio Neves.

"Eu tenho orgulho de ter dividido com ele (Pezão) o início do PAC 1. O Lula disse, na época, que eu era mãe do PAC e o Pezão, o pai", afirmou Dilma em evento político em 2013.

Em outra ocasião, já em 2014, Dilma voltou a elogiar Pezão no Rio de Janeiro. “O Pezão tem sido um parceiro inigualável em todos os momentos que aqui estivemos”, disse Dilma no início de discurso ao cumprimentar as autoridades que participavam da assinatura da concessão do Galeão.

Aécio, Cabral, Pezão, Dilma, Cesar Maia e Eduardo Paes
Aécio, Cabral, Pezão, Dilma, Cesar Maia e Eduardo Paes

>> Eleições: 57% dos jovens entre 16 e 24 anos não têm interesse em votar

>> Em encontro no apartamento de Aécio, Cabral abre mão do Senado por Cesar Maia

>> Antigos rivais, Garotinho e Cesar Maia fizeram aliança contra domínio de Cabral

<< Pezão oficializa palanque para Aécio Neves no Rio de Janeiro

>> Cabral desiste do Senado e dá lugar a César Maia em aliança

>> Paes declara apoio a Dilma e cita 'bacanal eleitoral' no Rio

>> Cesar Maia, que se aliou a Pezão, já atacou Cabral, Dilma e Lula

>> Em São Paulo, Alckmin e Paulo Maluf também fazem o jogo das contradições

Tags: dilma, eleição, PMDB, PT, ri, urna

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.