Jornal do Brasil

Quinta-feira, 24 de Julho de 2014

País

Mexicano teria avisado que iria pular do navio; PF investiga

Portal Terra

O mexicano que caiu no do navio de cruzeiro entre Fortaleza e Recife na quarta-feira ainda não foi encontrado. Jorge Alberto Lopes Amores, 29, estava a bordo do MSC Divina com diversos torcedores a caminho da capital cearense para acompanhar a partida entre Brasil e México, válida pela segunda rodada da Copa do Mundo, que acabou empatada por 0 a 0.

A Polícia Federal está investigando desde o dia do acidente e divulgou um comunicado com informações sobre os depoimentos colhidos com o comandante do navio e outras quatro pessoas que estavam próximas a Jorge no momento.

Segundo um amigo, eles haviam ingerido muita bebida alcoólica durante a viagem, no dia anterior e também a partir das 15h do dia 18. Segundo ele, Jorge falou que pretendia pular do navio e queria que o colega filmasse. Outras três testemunhas, que conheceram o torcedor durante o trajeto, informaram que viram Jorge tirando roupas e acessórios e subindo em um batente. Eles reforçaram ainda que ouviram o jovem falando que queria filmar o salto para postar nas redes sociais, e também que a voz dele estava alterada pela embriaguez.

O comandante Pier Paolo Scala explicou que assim que ouviu o anúncio de “homem ao mar” realizou os procedimentos indicados: imediatamente iniciou a manobra de retorno de retorno do navio, a bóia foi lançada e um bote salva vidas também foi ao mar, às 17h20. Ele ainda acrescentou que o navio recebeu ordens de seguir viagem às 22h10, por determinação da Marinha de Natal, que assumiu as buscas.

A investigação continua, e a PF requisitou imagens do circuito interno do navio, além de analisar o consumo de Jorge e vistoriar o quarto, que continha diversas garrafas de bebida alcoólica. A principal hipótese é que o jovem estava embriagado e se jogou do navio, mas outras possibilidades ainda são investigadas. Uma embarcação e uma aeronave da Marinha de Natal seguem com as buscas no mar. 

Tags: afogamento, cruzeiro, mexicano, Navio, suicidio

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.