Jornal do Brasil

Segunda-feira, 28 de Julho de 2014

País

Polícia impede invasão do Secovi em São Paulo

Agência Brasil

Após uma hora de caminhada, manifestantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) chegaram por volta das 16h10 de hoje (18) à sede do Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis Residenciais e Comerciais de São Paulo (Secovi) para fazer um protesto.

Na chegada à sede do Secovi, os manifestantes tentaram invadir o prédio, mas a polícia  estava posicionada para impedir a entrada dos sem-teto.

Os sem-teto pedem urgência na votação do Plano Diretor da cidade e dizem que o sindicato defende as construtoras, prejudicando os interesses do movimento. O MTST reivindica mais áreas destinadas à moradia popular. A Polícia Militar estimou que 3 mil pessoas tenham participado do ato.

“Temos um Plano Diretor que será votado, no qual a área da Copa do Povo ficou de fora. O que acontece é que grandes incorporadoras e construtoras são contrárias ao elenco de áreas de Zeis [zonas especiais de Interesse Social] porque diminuem seu faturamento”, disse Jussara Basso, uma das líderes do MTST.

Durante a manifestação, os policiais multaram motoristas, que estavam no sentido oposto da Avenida 23 de Maio, por imprudência. “Muitos condutores estavam simultaneamente dirigindo e fazendo imagens da manifestação. Isso é infração de trânsito”, explicou Watanabe.

De acordo com Jussara Basso, a votação do Plano Diretor pelos vereadores de São Paulo deve ocorrer entre os dias 24 e 25 de junho. O Secovi foi procurado pela reportagem, mas não se manifestou.

Tags: invasão, manifestação, protesto, são paulo, Sede

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.