Jornal do Brasil

Sábado, 20 de Dezembro de 2014

País

Manifestantes fazem protesto em Brasília contra gastos da Copa

Agência Brasil

Manifestantes fazem protesto contra os gastos com a Copa do Mundo no Eixo Monumental, em direção ao Estádio Mané Garrincha, em Brasília. Eles saíram da Rodoviária do Plano Piloto, na área central da capital federal. A rodada deste domingo (15), pelo Campeonato Mundial, começou, às 13h, com o jogo entre a Suíça e o Equador. O ato era pacífico até agora.

Cerca de 250 manifestantes, segundo estimativa dos organizadores, portam cartazes e faixas de protesto contra os gastos com a Copa e pedem mais investimento em saúde e educação. 

O protesto conta com a participação de integrantes do Comitê Popular da Copa e do Sindicato Nacional de Servidores Federais da Educação, em greve há 52 dias. Os servidores se uniram ao grupo para pedir que o governo federal atenda às reivindicações da categoria.

Segundo Silvana Tineda, uma das coordenadoras do sindicato, a pauta de reivindicações inclui o estabelecimento de uma data-base, a antecipação de 5% do reajuste que estava previsto para o ano que vem. Eles também pedem a abertura de negociação com o governo porque o acordo de 2012 estaria sendo descumprido, além da reestruturação da carreira dos técnicos.

Os policiais militares fizeram cordão de isolamento no Eixo Monumental, a 500 metros da rodoviária, para que os manifestantes não cheguem perto do estádio. Segundo o governo do Distrito Federal, as forças de segurança atuarão de forma integrada e reforçada, com 3.488 policiais militares, civis, bombeiros, agentes de trânsito e seguranças particulares no interior e nos arredores do estádio.

Tags: copa do mundo, futebol, gastos, mané garrincha, manifestações

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.