Jornal do Brasil

Quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

País

PV escolhe Eduardo Jorge como candidato à Presidência da República

Agência Brasil

O Partido Verde (PV) definiu neste sábado (14) o médico e ex-deputado federal Eduardo Jorge como candidato da legenda na eleição para presidente da República, em outubro. A atual vice-prefeita da Bahia, Célia Sacramento, também do  PV, complementa a chapa como vice.

Segundo Eduardo Jorge, que também foi secretário municipal de Saúde e de Meio Ambiente de São Paulo, além de deputado estadual, o PV quer se colocar como opção alternativa na disputa.

“O PV é um partido do século 21. Os três partidos grandes [PT, PSDB e PSB] ainda estão no século 20. Eles continuam ligados naquele velho sistema capitalista e socialista, em que a questão do meio ambiente é considerada uma coisa secundária, quando não desprezível”, disse Jorge. O partido terá cerca de um minuto de tempo na televisão.

Para ele, o atual momento do país e a “fragilidade das instituições” poderão ser diferenciais na campanha eleitoral. “A população está muito irritada e descontente com os atuais representantes e os partidos políticos. Querem lições novas, avançadas, de vanguarda, renovadoras, essenciais para a defesa nos nossos países do planeta e acho que vamos ter um trânsito grande nesse debate, nessa conversa com os cidadãos a partir de julho”.

Como principais pontos do programa de governo, Eduardo Jorge disse que o partido propõe o debate acerca da reforma política – com adoção do parlamentarismo, o sistema de voto distrital misto e facultativo –, implantação de políticas de desenvolvimento sustentável focadas na expansão da energia eólica e mudanças na condução da economia.

“Não podemos ficar como hoje, com o crescimento do PIB [Produto Interno Bruto] e uma posição economicista, como uma verdadeira religião. Queremos que o critério da evolução econômica seja mais diversificado. Com a defesa do crescimento, mas qualificado, não um crescimento com bens e incentivo ao setor automobilístico. Um crescimento com produtos limpos”, disse Jorge.

“A candidatura do Eduardo Jorge e da Célia vai preencher o vazio nessa campanha. Abordamos temas que os outros candidatos têm medo de abordar, porque não têm coragem, porque acham que tira voto ou que não são do ideário dos seus partidos”, disse o líder do PV na Câmara, deputado Sarney Filho (MA).

Baiano, radicado em São Paulo, e pais de seis filhos, Eduardo Jorge participou da fundação do PT, partido que se desfiliou em 2003 para entrar no PV.

Tags: candidato, convenção, Eleições, partido verde, presidência

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.