Jornal do Brasil

Sexta-feira, 25 de Julho de 2014

País

São Paulo tem recorde de congestionamento com greve dos metroviários

Agência Brasil

A capital paulista tem recorde de trânsito na manhã de hoje (5), segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Às 9h30, as filas de carro chegaram a 209 quilômetros (km) dos 868 km de vias monitoradas pelo órgão. Essa marca é a maior para o período da manhã neste ano e a terceira da série histórica, iniciada em 1994. O pior congestionamento é na zona sul, com 72 km de extensão. Nesta manhã, a cidade enfrenta greve dos metroviários, com interrupção parcial de três linhas, e dos agentes da CET.

De acordo com Osmar Torres, secretário-geral do sindicato dos agentes de trânsito, o Sindiviários, a greve foi aprovada ontem em assembleia e por tempo indeterminado. “Temos a adesão de 95% dos trabalhadores”, apontou. Eles pedem reajuste de 12,93%, que inclui a inflação dos últimos 12 meses e um percentual de ganho real. Além disso, pedem concurso público para reposição do quadro de funcionários. “Há uma defasagem de pelo menos 50%”, destacou.

O sindicato apontou que a CET ofereceu 8% de reajuste, o que foi recusado pela categoria. Torres informou que 4,5 mil pessoas trabalham no órgão, dos quais 1,8 mil são agentes. “Esse é o segmento mais defasado. E tem também o nível de estresse, que faz com que muitos adoeçam”, avaliou.

A companhia não respondeu aos questionamentos feitos pela reportagem da Agência Brasil até o momento de publicação da matéria.

Tags: congestionamento, greve, Metrô, paralisação, SP

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.