Jornal do Brasil

Quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

País

Funcionamento parcial do metrô dificulta volta do paulistano para casa

Agência Brasil

O funcionamento parcial das linhas do metrô de São Paulo dificultou hoje (5) a vida dos paulistanos que tentavam voltar para casa após as 18h. Na Estação Tatuapé, na zona leste, os passageiros formavam longas filas para embarcar pela Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM).

Os alto-falantes alertavam os usuários que a Linha 3 – Vermelha – funcionava apenas entre as estações Marechal Deodoro e Tatuapé. Com isso, muitas pessoas tiveram de desembarcar para prosseguir viagem por trem. Foi o caso do pedreiro Paulo Pereira, que já tinha tomado um ônibus na saída do trabalho, na Vila Carrão, zona leste, e tentava chegar a Ferraz de Vasconcelos, na Grande São Paulo. “Sou bastante prejudicado todo dia”, disse Pereira, ao reclamar da lotação dos vagões. “E hoje ainda tem essa fila. Quando eu chegar ao trem é que vai ser triste.”

A preocupação de Geise da Silva não era chegar à faculdade, onde faria uma prova, mas a volta para casa, que fica perto da Estação Artur Alvim, também na zona leste. “Vou para a faculdade, mas, para voltar, eu não sei. Não tem metrô e a [Avenida] Radial Leste está um caos”, disse a estudante de psicologia, que tinha acabado de sair do trabalho na farmácia de um shopping.

Na fila para pegar o trem, a empregada doméstica Regiane Santos estava certa de que enfrentaria ainda mais problemas para chegar em casa do que para ir ao serviço de manhã. “De manhã, estava um aperto só. Cheguei só uma hora atrasada, porque sai mais cedo”, lembrou Regiane.

No Tatuapé, os usuários eram ainda informados de que a Linha Azul funcionava apenas entre as estações Saúde e Luz, enquanto a Linha Verde estava limitada ao trecho entre a Ana Rosa e a Vila Madalena.

Tags: metroviários, paralisação, SP, Transportes, transtornos

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.