Jornal do Brasil

Quinta-feira, 31 de Julho de 2014

País

Rio Negro tem a sexta maior cheia desde 1902

Agência Brasil

O nível do Rio Negro, em Manaus, atingiu 29,36 metros hoje (2), segundo a Agência Nacional de Águas  (ANA). Com isso, a cheia é a sexta maior já registrada na capital amazonense desde 1902, quando o curso de água começou a ser monitorado.

A cidade está em estado de emergência desde a semana passada. O rio passa pelo área central capital do Amazonas que, em poucos dias, sediará a Copa do Mundo. A prefeitura disse à Agência Brasil que as situações emergenciais se tornaram cotidianas e que, com o maior conhecimento adquirido sobre os riscos, o poder público tem conseguido amenizar os efeitos das enchentes. Cerca de dez órgãos estão envolvidos nas ações sob o comando das áeras de defesa civil e assistência social.

Segundo estimativa do Serviço Geológico do Brasil, no pico da cheia do rio Negro, o que geralmente acontece em junho, o nível poderá variar entre 28,84m e 29,44m neste ano. Caso atinja este máximo, o rio terá a quinta maior cheia desde o início do monitoramento em Manaus.

A maior cheia da região ocorreu em 2012, quando o Rio Negro atingiu os 29,97 m. A segunda maior aconteceu em 2009 (29,77m), atrás apenas da ocorrida em 1953, quando o nível da água atingiu a marca de 29,69 m. No ano passado, a cota ficou em 29,33 m.

Tags: Amazonas, Ana, enchentes, manaus, Rio

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.