Jornal do Brasil

Quinta-feira, 31 de Julho de 2014

País

Fortaleza contará com mil novos policiais militares até a Copa

Agência Brasil

Mil policiais militares vão reforçar o efetivo de mais de 18 mil homens das polícias Civil e Militar de Fortaleza na segurança durante os jogos da Copa do Mundo. De acordo com a assessoria do governo cearense, a turma de novos agentes está concluindo o curso de formação e estará nas ruas a partir do dia da abertura do Mundial.

O órgão estadual de segurança pública informou ainda que 400 policiais civis estão em fase de nomeação. O detalhamento do esquema de segurança não foi divulgado por questões estratégicas, mas autoridades locais informaram que o plano envolve ainda mais 6 mil homens de órgãos estaduais, municipais e federal.

Na cidade, o policiamento será reforçado no Aeroporto Internacional Pinto Martins, nos portos do Mucuripe e Pecém, em pontos turísticos, nos estacionamentos próximos ao estádio, na rodoviária, nos terminais de ônibus, nas principais rodovias e vias de acesso à Arena Castelão e no Aterro da Praia de Iracema onde será instalada a Fan Fest.

Dentro da Arena Castelão, as equipes estarão em regime de prontidão “para resposta às demandas emergenciais”. Os agentes de segurança passaram por onze cursos de capacitação para a Copa do Mundo de 2014.  Fortaleza não pediu reforço das tropas da Força Nacional de Segurança.

“As forças estão preparadas para conter qualquer incidente em casos de distúrbios civis. Ações de inteligência estão sendo desenvolvidas por meio da Coordenadoria de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública e da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), visando o monitoramento de ações ilícitas que possam prejudicar o andamento dos eventos”, afirmou em nota a assessoria.

Policiais e bombeiros do Ceará também fizeram cursos de línguas estrangeiras para facilitar o trabalho nos dias em que turistas de vários países devem passar pela cidade.

Além dos policiais, atuarão na segurança da Copa na capital cearense agentes do Corpo de Bombeiros, das coordenadorias de Inteligência, de Planejamento Operacional, de Operações Aéreas e de Operações Policiais. O esquema ainda inclui o trabalho de agentes de trânsito e das polícias Federal (PF) e Rodoviária Federal (PRF).

Tags: arena, castelão, Copa, operações, órgão

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.