Jornal do Brasil

Quinta-feira, 27 de Novembro de 2014

País

Mesa Diretora da Câmara discute representação contra Luiz Argôlo

Agência Câmara

A Mesa Diretora da Câmara dos Deputados reúne-se às 17 horas para discutir o caso do deputado Luiz Argôlo (SD-BA). Argôlo é alvo de uma representação apresentada pelo líder do PPS, deputado Rubens Bueno (PR).

Bueno pede para apurar quebra de decoro parlamentar em razão das denúncias de que Argôlo teria recebido dinheiro do doleiro preso Alberto Youssef. Esse é o mesmo personagem que estaria envolvido com o deputado licenciado André Vargas (PT-PR).

Pelas regras da Câmara, a representação apresentada por líder de partido contra um deputado deve ser analisada previamente pela Mesa Diretora, que ouve o corregedor da Casa – atualmente, o deputado Átila Lins (PSD-AM). Na reunião, Lins deverá dar um parecer sobre o pedido do PPS e, com base nisso, a Mesa decide se a representação será enviada ao Conselho de Ética e Decoro Parlamentar ou será arquivada.

Processo

O deputado também é alvo de outra representação, esta no Conselho de Ética, por seu suposto relacionamento com o doleiro Alberto Youssef. O pedido é do Psol. Nesta tarde, o conselho decidirá se instaura processo contra o parlamentar.

As duas representações em tramitação (no Conselho de Ética e na Corregedoria da Câmara) não têm ligação e não excluem uma à outra.

Tags: acusação, argolo, deputados, doleiro, envolvimento

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.