Jornal do Brasil

Quarta-feira, 23 de Julho de 2014

País

Dilma: Enem abre cinco oportunidades de estudo para os jovens

Agência Brasil

A presidenta Dilma Rousseff disse hoje (12) que o resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que abre nesta segunda-feira o período de inscrições, oferece cinco oportunidades de estudo para os jovens. Além de ser o critério de seleção usado por universidades públicas e institutos federais de educação que participam do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), o Enem vale para o estudante ter acesso ao Programa Universidade para Todos (ProUni), que oferece bolsas em instituições privadas, e ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Dilma acrescentou que a nota do Enem também vale para o jovem obter bolsas de intercâmbio pelo Programa Ciência sem Fronteiras e conseguir uma vaga nos cursos técnicos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) por meio do Sistema de Seleção Unificada do Ensino Técnico e Profissional (Sisutec).

“Este ano, em janeiro, com uma só nota no Enem, o estudante pode concorrer a vagas em 115 instituições, em 4,7 mil cursos diferentes em todo o país fazendo apenas a inscrição pela internet”, disse Dilma, em seu programa semanal de rádio Café com a Presidenta.

Ela informou que no Sisu, em janeiro, foram reservadas 25% das vagas de acordo com a Lei de Cotas. “Neste Enem, que está aberto agora e vai valer para 2015, 37,5% das vagas oferecidas pelo Sisu serão destinadas aos estudantes das escolas públicas. Será respeitada ainda a proporção de pretos, pardos e indígenas do estado em que fica a universidade ou instituto de ensino superior. Metade dessas vagas é reservada para estudantes de famílias com renda de até um salário mínimo e meio por pessoa.”

Segundo a presidenta, o ProUni já concedeu 1,4 milhão de bolsas integrais ou parciais para estudantes que não têm condições de pagar a mensalidade de uma universidade particular e cerca de 1,5 milhão de estudantes contrataram o Fies para financiar as mensalidades do curso superior em uma universidade privada.

Dilma ressaltou que mais de 62,5 mil bolsas já foram concedidas pelo Ciência sem Fronteiras. “Até o final do ano, serão mais duas seleções: uma em setembro e outra até o final de dezembro. Com isso, nós chegaremos a 101 mil estudantes fazendo Ciência sem Fronteiras nas melhores faculdades do mundo.”

Os interessados podem se candidatar ao Enem no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) até o dia 23. Qualquer pessoa pode se inscrever no exame, que está marcado para os dias 8 e 9 de novembro. O valor da inscrição é R$ 35. Alunos de rede pública e pessoas com renda familiar até 1,5 salário mínimo são considerados isentos. A taxa deve ser paga até o dia 28 de maio.

Tags: brasil, ensino, exame, prova, vaga

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.