Jornal do Brasil

Segunda-feira, 24 de Novembro de 2014

País

Suspeitos de roubo são presos após fotos com dinheiro na web

Portal Terra

A Polícia Civil de Minas Gerais prendeu dois suspeitos de assaltos a ônibus da conexão Belo Horizonte – aeroporto de Confins. Segundo os policiais, a dupla foi descoberta depois que o sigilo dos celulares roubados foi quebrado. Os suspeitos foram apresentados nesta segunda-feira.

Os policiais, após a quebra dos sigilos, chegaram a um jovem de 19 anos em Vespasiano. Ao questionarem sobre como ele conseguiu o telefone, o homem disse que comprou de um vizinho. Este apontou para Rafael Batista Santos (o Tete), também 19 anos, como sendo o primeiro a vender o celular.

A polícia afirma que imagens dos circuitos internos dos ônibus mostram que Tete participou de pelo menos quatro assaltos aos coletivos, todos na rodovia MG-010. Em uma rede social, o suspeito aparece com a mesma camisa e óculos que usou em um dos roubos.

Lucas Viana de Souza (Luquinha), 19 anos, também foi preso suspeito de ser parceiro de Tete. No caso de Luquinha, a polícia identificou uma tatuagem, com o nome “Evelyn”, no braço do suspeito. Souza chegou a postar em uma rede social notas de R$ 50 presas na cintura.

Davidson Welderton Moreira Rodrigues, 27 anos, que participaria do grupo, conseguiu fugir. Ele também foi identificado pelas imagens. Os dois presos foram encaminhados ao presídio de Vespasiano.

Tags: coletivos, ladrões, MINAS, polícia, prisão

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.