Jornal do Brasil

Segunda-feira, 28 de Julho de 2014

País

Ex-diretor da Petrobras volta para a carceragem da PF

Portal Terra

O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, preso na Operação Lava Jato da Polícia Federal (PF), foi transferido na tarde desta sexta-feira do Presídio Estadual de Piraquara II (PEP II) para a carceragem da PF em Curitiba, no Paraná.

A secretária de Justiça do Paraná, Maria Tereza Uille Gomes, havia encaminhado pedido ao juiz federal Sergio Fernando Moro, da 13ª Vara Federal em Curitiba, para que Costa fosse transferido para a Penitenciária Federal de Catanduvas por medida de segurança, segundo a assessoria de imprensa da Secretaria de Justiça.

De acordo com a assessoria, a grande repercussão do caso poderia fazer com que o ex-diretor fosse hostilizado por outros presos. A penitenciária federal teria condições de oferecer mais segurança ao detento.

O juiz federal decidiu pela transferência para a carceragem da PF, onde Costa já havia permanecido anteriormente. Ele fora transferido para Piraquara após relatar ter sofrido ameaças de um agente da PF.

Tags: ameaças, Corrupção, diretoria, Petrobras, tramsferência

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.