Jornal do Brasil

Quinta-feira, 2 de Outubro de 2014

País

Manifestação contra a Copa reúne 500 pessoas na Zona Leste de São Paulo

Agência Brasil

Cerca de 500 manifestantes, segundo a Polícia Militar (PM), interditam a Rua Tuiuti, no Tatuapé, zona leste paulistana, na altura da Avenida Radial Leste. O grupo participa do Sexto Ato Contra a Copa, questionando os gastos para o mundial. Não foi divulgado o trajeto que os manifestantes pretendem seguir.

Antes mesmo do começo da passeata, três menores de idade foram detidos dentro da Estação Tatuapé do metrô, segundo a PM, com estilingue, pedras e faca dentro da mochila.

O último ato contra a Copa foi realizado há duas semanas, saindo da Avenida Paulista. O grupo, com cerca de 1,5 mil pessoas segui pela Avenida Rebouças até o Butantã.  Ao fim do protesto, duas agências bancárias foram depredadas. Houve confronto e 54 pessoas foram detidas.

Na página do Movimento Contra Copa do Mundo 2014, no Facebook, que convocou a manifestação, o evento esportivo é criticado e são cobrados mais investimentos em áreas como saúde e educação. “Vergonha e hipocrisia! Vem me falar que o ponto negativo foi a morte de três trabalhadores? A vida vale muito mais que evento onde quem lucra é a Fifa [Federação Internacional de Futebol]. E os hospitais que têm em Itaquera [bairro da zona leste onde fica o estádio do Conrinthians]?”, questionam os organizadores da manifestação.

Tags: copa do mundo, manifestantes, Polícia Militar, protesto, são paulo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.