Jornal do Brasil

Sexta-feira, 29 de Agosto de 2014

País

Cuiabá: ex-presidente da Câmara é cassado por quebra de decoro

Portal Terra

Ex-presidente da Câmara de Cuiabá, o vereador João Emanuel (PSD) teve o mandato cassado por quebra de decoro no início da tarde desta sexta-feira (25). Dos 25 integrantes, 20 votaram a favor da perda do mandato, quatro optaram por se abster e um – o próprio João Emanuel - não votou. O vereador cassado não compareceu à Câmara alegando motivos de saúde. Segundo servidores da Casa, após o resultado final, os funcionários de seu gabinete deixaram o local sem falar sobre o assunto. 

João Emanuel era alvo da Operação Aprendiz, desencadeada em novembro do ano passado pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (GAECO) do Ministério Público Estadual. Em dezembro, ele renunciou ao cargo de presidente da Câmara. O vereador cassado chegou a ser preso em março deste ano em função das mesmas investigações. Ele ficou detido por dois dias. João Emanuel é acusado de supostas fraudes em licitações quando presidia a Câmara.

O pedido de cassação foi protocolado pela ONG Moral na Comissão de Ética da Casa. O processo se baseou nas investigações da Operação Aprendiz. A sessão começou às 9h da manhã e por volta das 12h30 o resultado foi divulgado. No final dos debates foi transmitido um vídeo em que o vereador cassado aparece falando sobre como fraudar uma licitação.  

Tags: cassado, cuiabá, parlamentar, quebra de decoro, vereador

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.