Jornal do Brasil

Sábado, 25 de Outubro de 2014

País

Tropas federais continuarão mobilizadas na Bahia, mesmo com fim da greve de PMs

Agência Brasil

A operação de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) autorizada para minimizar os impactos da greve da Polícia Militar (PM) na Bahia não será suspensa, mesmo com o anúncio do fim da paralisação. De acordo com o governador do estado, Jaques Wagner, a mobilização das tropas federais será mantida até reavaliação.Wagner e o ministro da Justiça, Eduardo Cardozo, que está em Salvador, concederam entrevista coletiva hoje (17), após policiais militares votarem em assembleia pelo fim do movimento. “Vamos manter a GLO para reavaliação até ter a certeza de que a normalidade foi reconquistada”, disse o governador.

Enquanto a PM estava na assembleia nesta tarde, ele reunia-se com Cardozo, com o ministro interino da Defesa, tenente-brigadeiro Juniti Saito, o chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, José Carlos De Nardi, e o general Racine Bezerra, comandante da 6ª Região Militar.

O grupo fazia o planejamento de como será a atuação das tropas federais, formadas por agentes da Força Nacional e das Forças Armadas. As tropas desembarcaram em Salvador na quarta-feira (16). Na terça-feira (15), a PM da Bahia havia votado a favor da greve em assembleia.

Tags: copa do mundo, garantia da lei e da ordem, greve, Operação, tropas

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.