Jornal do Brasil

Terça-feira, 22 de Julho de 2014

País

SP: moradores devem ser multados pelo desperdício de água

Portal Terra

O governo de São Paulo está estudando um aumento na conta dos clientes que consumirem mais água, em meio ao cenário de escassez que atinge o Estado desde o verão. O secretário de Saneamento e Recursos Hídricos de São Paulo, Mauro Arce, afirmou em entrevista à Rádio CBN nesta quinta-feira que o governo paulista pretende cobrar uma taxa extra dos consumidores que não economizarem. A multa deve começar a ser aplicada entre maio e junho, conforme o secretário, na mesma porcentagem do bônus para aqueles que estão poupando o recurso.

"Estamos fazendo um esforço, todos nós - e a resposta da população é extremamente positiva - ao reduzir o consumo, para que a gente possa atravessar essa situação sem a necessidade de tomar medidas mais severas, como o rodízio", declarou Arce. "Cerca de 75% dos consumidores reduziram o consumo, porém uma porcentagem da população aumentou o consumo, e para essa parcela o governo planeja um ônus", garantiu ele.

Segundo o secretário, haverá exceções em que a multa poderá ser perdoada. "Nós não queremos que esse ônus traga alguma vantagem financeira para nós. Estamos analisando que a porcentagem de aumento da tarifa seja a mesma do bônus para aqueles que reduziram o consumo", disse o secretário. A multa deverá ser anunciada um mês antes da cobrança.

Mauro Arce ainda negou que haja racionamento de água em São Paulo e destacou que as reclamações sobre falta de água já em algumas regiões estão sendo apuradas.

Tags: água, chuva, consumo, estiagem, multa, são paulo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.