Jornal do Brasil

Domingo, 23 de Novembro de 2014

País

Sul é a região com menor taxa de desocupação

Agência Brasil

A taxa de desocupação caiu no 4º trimestre do ano passado, em comparação a igual período de 2012,  em todas as grandes regiões do país e em todas as faixas etárias. A constatação é do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) que divulgou hoje (10) a Pesquisa Nacional do Amostra de Domicílio Continuada (Pnad Continuada).

A divulgação dos dados da Pnad Continuada, pelo IBGE, ocorre com relativo atraso em razão da demora no processamento de dados relativos ao emprego do país ao longo do ano. Com a taxa de desocupação para o total do país se situando em 6,2% no 4º trimestre de 2013, a queda do indicador em relação ao 3º trimestre de 2013 ficou em 0,7 ponto percentual, mesmo patamar do 4º trimestre de 2012.

O levantamento indica que a menor taxa de desocupação do país é a da Região Sul onde o indicador se situou no 4º trimestre do ano passado em 3,8% da população economicamente ativa.  A maior taxa de desocupação do país no 4º trimestre de 2013 ficou com a Região Nordeste: 7,9%. Ainda assim houve queda significativa em relação ao 3º trimestre de 2013, quando a taxa era de 9,0%, assim como em relação ao 4º trimestre de 2012 (9,3%).

A Pnad Continuada indica que, entre os jovens de 18 a 24 anos de idade, com taxa de desocupação no 4º trimestre de 2013 equivalente a 13,1%, foi registrado um patamar superior em relação à taxa média total de 6,2%, comportamento verificado também nas cinco grandes regiões.

O levantamento indica que a taxa de desocupação é menor entre os homens (5,1% no 4º trimestre de 2013), contra 7,6% da taxa das mulheres, que representavam 53,4% da população desocupada do país no período.

Tags: brasil, desocupação, IBGE, percentual, taxa

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.