Jornal do Brasil

Domingo, 28 de Dezembro de 2014

País

SP: polícia apreende adolescente acusado de matar gays

Portal Terra

A polícia apreendeu no fim da manhã desta segunda-feira o adolescente acusado de ter assassinado dois homossexuais e de planejar a morte de um terceiro. O jovem de 17 anos era procurado pela Polícia Civil de Agudos, interior de São Paulo. De acordo com o delegado Jader Biazon, responsável pelas investigações, o suspeito estava escondido em um barraco no bairro Fortunato Rocha Lima, em Bauru. “Chegamos a ele com ajuda dos policiais de Bauru, e ele confessou ter matado o adolescente”, afirmou por telefone o delegado. 

O jovem é apontado como mentor e responsável pela morte do adolescente Igor Alves, 15 anos, em 29 de março. O corpo de Igor, morto a facadas, foi localizado na noite de quarta-feira em um reflorestamento de pinus às margens da rodovia Richard Freudemberg, um dos acessos à cidade. 

Foi o próprio adolescente que, ao lado do avô de Igor, procurou a Polícia Civil para denunciar um falso sequestro da vítima. De acordo com o delegado Biazon, a versão contada pelo adolescente, que mantinha uma relação amorosa com Igor, não se sustentava. A polícia, de posse do histórico de infrações do adolescente, resolveu pedir sua internação provisória. 

Ao saber que ele estava sendo procurado e que havia se tornado o principal suspeito do sumiço de Igor, o adolescente desapareceu. A confirmação da participação dele no caso veio apenas na última quarta-feira, quando outro adolescente, este com 15 anos, confirmou a participação no crime e apontou o suposto namorado da vítima como mentor do crime.

No mesmo dia, os policiais encontraram o corpo de Igor com ferimentos de faca na face e pescoço. O adolescente segue sendo ouvido pelo delegado. De acordo com Biazon, o suspeito narra com riqueza de detalhes o crime e afirma que matou por não gostar da conduta de homossexuais. 

Tags: assassinato, garoto, homossexuais, polícia, prisão

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.