Jornal do Brasil

Quarta-feira, 3 de Setembro de 2014

País

Ex-senador boliviano é morto em SP

Jornal do Brasil

O ex-senador boliviano Andress Guzman foi assassinado nas proximidades do Palácio dos Bandeirantes, no Morumbi, na Zona Sul de São Paulo, nesta sexta-feira (4). Ele levou três tiros dentro de um carro, na Avenida Morumbi. O suspeito de efetuar os disparos, Miguel Garcia Ferreira, disse à polícia que trabalha como motorista do empresário Olacyr de Morais, segundo o Jornal Nacional.

Em uma fotografia, que está na página pública de Olacyr em uma rede social, Guzman aparece ao lado dele em registro de abril do ano passado, durante uma viagem de negócios a Moscou, capital da Rússia.

Antes do crime, o carro subia a Avenida Engenheiro Oscar Americano, cruzou a pista para o sentido contrário e bateu em um poste. Os dois homens brigaram dentro do carro. O passageiro puxou um revólver e deu três tiros no ex-senador. Policiais viram quando o passageiro saiu do carro e tentou correr com um revólver e uma mala, mas foi preso. Ele estava com uma mala contendo R$ 400 mil. 

O motorista disse que o ex-senador boliviano tinha negócios com Olacyr  e que, nos últimos tempos, Guzman estaria se aproveitando desta situação para extorqui-lo. Nesta manhã, o ex-senador teria ido até a casa de Olacyr e na saída Miguel pediu uma carona até uma praça no Morumbi. Segundo ele, no caminho, decidiu dar um susto no ex-senador e sacou uma arma. Os dois brigaram e o motorista acabou fazendo disparos e matando o ex-senador.

Tags: bolívia, crime, motorista, político, SP

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.