Jornal do Brasil

Segunda-feira, 28 de Julho de 2014

País

Pedido da CPI da Petrobras é lido em plenário do Senado

Questão de ordem adia criação da comissão

Agência Senado

A senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), leu nesta terça-feira, a pedido do presidente do Senado, Renan Calheiros, o requerimento de criação da CPI da Petrobras. A partir da leitura, os senadores podem retirar a assinatura até as 23h59 desta terça-feira (1º).

O requerimento, apresentado inicialmente pelo senador Alvaro Dias (PSDB-PR), pede para que a CPI investigue quatro fatos. Em primeiro lugar, a oposição quer investigar a aquisição da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos, que teria causado prejuízo de mais de US$ 1 bilhão à estatal. 

Os senadores também pretendem averiguar se funcionários da Petrobras receberam propina de uma empresa holandesa para fechar contratos de aluguel de plataformas do pré-sal; suspeita de superfaturamento de refinarias; e lançamento de plataformas sem todos os equipamentos de segurança.

A senadora Gleisi Hoffman (PT-PR) apresentou uma questão de ordem, criticando a quantidade de fatos "diversos" listados no requerimento. Segundo ela, é preciso que haja fato determinado, como determina o Regimento Interno do Senado.

Com isso, o presidente do Senado disse que analisaria a questão de ordem para uma resposta nesta quarta-feira.

Tags: comissão, estatal, inquérito, parlamentar, Petróleo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.