Jornal do Brasil

Domingo, 26 de Outubro de 2014

País

Começa em São Paulo quarta etapa do julgamento do Carandiru

Agência Brasil

Doze policiais militares, integrantes do Grupo de Operações Táticas Especiais (Gate), serão julgados, a partir de hoje (17), pela morte de dez presos e pela tentativa de homicídio de mais três que ocupavam o quinto pavimento da extinta Casa de Detenção do Carandiru. É a quarta etapa do julgamento, que começa às 9h no Fórum Criminal da Barra Funda, na zona oeste da capital paulista. O julgamento será presidido pelo juiz Rodrigo Tellini de Aguirre Camargo.

A expectativa é que o julgamento dure de cinco a seis dias. O Massacre do Carandiru ocorreu no dia 2 de outubro de 1992, quando 111 detentos foram mortos e 87 ficaram feridos durante invasão policial para reprimir uma rebelião no Pavilhão 9 do Carandiru, na zona norte da capital.

Por envolver grande número de réus e de vítimas, o julgamento foi desmembrado em quatro etapas, de acordo com o que ocorreu em cada um dos quatro pavimentos do Pavilhão 9.

O julgamento terá início com o sorteio de sete pessoas que vão compor o Conselho de Sentença. Em seguida, serão ouvidas as cinco testemunhas de acusação, as seis testemunhas de defesa e os réus.

Tags: carandiru, gate, justiça, Operação, SP

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.