Jornal do Brasil

Terça-feira, 23 de Setembro de 2014

País

Cheia do rio Tocantins deixa 3 mil pessoas sem casa no Pará

Agência Brasil

Cerca de 800 famílias estão desabrigadas ou desalojadas em Marabá, no Pará. O nível do rio Tocantins chegou nesta sexta-feira a 11,94 metros, o maior da última década. A Defesa Civil decretou estado de emergência há uma semana.

De acordo com a Defesa Civil cerca 3.200 o número de pessoas estão fora de suas casas, a maior parte desde 26 de fevereiro, quando o Tocantins ultrapassou 10 metros. É o maior índice desde 2006, quando o rio atingiu 11,6 metros. A diferença é que, na época, mais pessoas moravam próximas ao rio. Ao todo, aproximadamente de 3.500 ficaram temporária ou permanentemente sem suas casas.

Segundo a Defesa Civil, a prefeitura está construindo 500 abrigos. Água, comida e suprimentos estão sendo garantidos com a ajuda do Exército e do Corpo de Bombeiros para os necessitados, alojados em galpões, ginásios e casas cedidas.

O período de chuvas no Pará tradicionalmente se encerra em junho. O nível considerado normal em época de estiagem, de junho a dezembro, é de 7 metros negativos em relação ao leito

Tags: desabrigados, enchentes, pa, rios, to

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.