Jornal do Brasil

Domingo, 26 de Outubro de 2014

País

SP: córrego transborda, grávida é levada pela água e morre

Portal Terra

Uma grávida de oito meses foi levada pelas águas do córrego Água Espraiada, que transbordou no Jabaquara, em São Paulo, na tarde desta quarta-feira. Segundo os Bombeiros, diversas pessoas ligaram para solicitar o resgate da mulher, que morreu ao chegar ao hospital.

Os bombeiros afirmam que ela caiu na rua Alba, para onde cinco equipes foram encaminhadas. A mulher foi encontrada na altura da rua Lacônia, onde três viaturas e um helicóptero fizeram o resgate. Ela passou por massagem cardíaca até ser levada ao hospital Arthur Ribeiro de Saboya. 

A Secretaria Municipal de Saúde afirma que a mulher chegou com parada cardiorrespiratória às 17h43 e não resistiu. Os médicos fizeram uma cesariana de emergência para a retirada do bebê – um menino. Ainda conforme a secretaria, ele foi encaminhado à Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) Neonatal e inspira cuidados.

São Paulo em alerta

As zonas oeste, sul, sudeste e marginal Pinheiros e as subprefeituras de São Miguel Paulista, Itaim Paulista, Guaianases, Cidade Tiradentes e Itaquera da cidade de São Paulo entraram em estado de atenção para alagamentos na tarde desta quarta-feira. De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), os córregos Morro do S e Ipiranga transbordaram e colocaram em alerta as subprefeituras de Campo Limpo, M'Boi Mirim, Ipiranga e Vila Mariana.

Por causa dos transbordamentos, houve alagamentos na rua Joaquim Nunes Teixeira com avenida Carlos Caldeira Filho e na avenida Abraão de Morais com o viaduto Ministro Aliomar Baleeiro. Às 16h03, saíram do estado de atenção a zona oeste e as subprefeituras de São Miguel Paulista, Itaim Paulista, Guaianases, Cidade Tiradentes e Itaquera e do estado de alerta as subprefeituras de Campo Limpo e M'Boi Mirim. Às 16h50, foi a vez das zonas sudeste, sul, marginal Pinheiros e subprefeituras de Ipiranga e Vila Mariana.

De acordo com imagens de radar meteorológico, por volta das 16h20, precipitação era moderada entre os bairros de Vila Prudente e São Mateus, na zona leste. No restante da cidade, as chuvas ocorriam de maneira bastante isolada e fraca com pontos moderados. As áreas de chuva forte se deslocavam para os municípios do ABC paulista.De acordo com medições das estações meteorológicas automáticas do CGE, desde o início das chuvas de hoje, a capital acumulou o volume médio de 8,7 milímetros de precipitação. Segundo os meteorologistas, nas próximas horas fica mantida a condição para chuvas de maneira isolada e com  menor intensidade.

Tags: alertas, chuvas, morte, mulher, SP

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.