Jornal do Brasil

Quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

País

Quadrilha usava mulheres para roubar caminhões em MG

Portal Terra

A Polícia Civil de Minas Gerais prendeu um grupo de 15 suspeitos de roubo de cargas e de caminhões praticados na região do Triângulo Mineiro. Quatro dos suspeitos são da cidade de Araçatuba, no interior de São Paulo, sendo um deles inclusive apontado como o líder local da facção criminosa denominada Primeiro Comando da Capital (PCC).

Segundo o titular da Delegacia de Uberlândia, o delegado Eduardo Leal, uma célula da quadrilha ficava em Araçatuba e encomendava os caminhões que deveriam ser roubadas. A parte da quadrilha responsável pela execução do roubo ficava em Uberlândia. Eles usavam mulheres nas margens da rodovia pedindo carona, para facilitar a parada dos caminhoneiros. Assim que o caminhão parava, bandidos armados rendiam o motorista.

Os criminosos então levavam o motorista para um cativeiro, onde chegavam a ficar por até nove horas. Os bandidos usavam um aparelho que bloqueia sinais de celular para cancelar o rastreamento dos veículos, levando-os até Araçatuba para desmontagem e venda das peças. Um empresário, dono de um posto de gasolina, havia encomendado o roubo de um caminhão que transportava combustíveis.

No decorrer das investigações foram recuperados dois caminhões e parte da carga roubada. Os policiais apreenderam ainda diversas armas de fogo com a quadrilha. Para o delegado Eduardo Leal, a sintonia estabelecida com a Polícia Civil de São Paulo foi essencial para a localização e captura dos suspeitos. “Estamos trabalhando com informações conjuntas que nos ajudaram a prender o grupo dentro da normalidade”, afirmou.

Tags: Civil, MINAS, polícia, prisões, ROUBO, veículos

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.