Jornal do Brasil

Terça-feira, 29 de Julho de 2014

País

SC: câmeras de vigilância podem ajudar a identificar assassinos de taxista

Portal Terra

Câmeras de vigilância instaladas na região continental de Florianópolis podem auxiliar a Polícia Civil a prender os suspeitos de matar um taxista durante uma corrida na madrugada do sábado de Carnaval. Robson Tiago Andrade, 30 anos, foi assassinado no início da Via Expressa, na região continental, após atender a dois passageiros.

O desafio da polícia é saber onde o taxista foi abordado pelos passageiros. Ele atendia em um ponto no Mercado Público, mas estava transitando pelo continente, onde eram realizados bailes públicos de Carnaval. Na região, existem várias câmeras de monitoramento instaladas que devem auxiliar na identificação dos suspeitos.

A Polícia Civil já tem informações de que os autores do crime morariam em um morro da região continental. Entretanto, os policiais evitam fornecer mais detalhes para não prejudicar as investigações.

Os taxistas vêm sendo alvos de criminosos durante esse Carnaval em Florianópolis. Além do caso de Robson, um taxista foi morto com 25 facadas em Araquari, no extremo norte do Estado. Na madrugada de segunda, um motorista de táxi chegou a permanecer como refém por um assaltante por quase uma hora. O criminoso foi preso e a vítima escapou ilesa.

Tags: crimes, floripa, motoristas, polícia, taxi

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.