Jornal do Brasil

Quarta-feira, 27 de Agosto de 2014

País

Transalvador orienta folião a denunciar práticas abusivas de taxistas

Jornal do Brasil

A Transalvador está apertando o cerco contra as práticas abusivas de alguns taxistas durante o Carnaval e orienta o usuário a registrar as queixas através dos telefones 118, 2109-3679 e 2109-3641. 

"A denúncia precisa ser devidamente informada ao órgão para que possamos averiguá-la e tomar as medidas cabíveis. Estamos intensificando a fiscalização a cada dia, sobretudo nos pontos de táxi oficiais, e não vamos aceitar cobrança irregular, falta de urbanidade ou recusa de passageiro por corrida curta", avisa o gerente da Getax, Bruno Alves.

 Nos três primeiros dias de Carnaval, poucas reclamações foram registradas na Transalvador. Nos pontos oficiais de embarque e desembarque de passageiros de táxi, no entanto, as ações de fiscalização da Getax abordaram 1.384 taxistas, autuando 45 deles. Até o momento, 29 veículos foram apreendidos.

 Para Bruno Alves, o usuário deve sempre optar pela cobrança a partir do taxímetro. "É muito importante que o usuário não faça acordo com o taxista e pague a corrida com base no valor apontado pelo taxímetro. Quem se sentir lesado, porém, deve anotar a placa e o alvará do táxi para acionar a Transalvador",

 O automóvel recolhido ao pátio da Transalvador no período do Carnaval será liberado a partir de quinta-feira, após o pagamento das diárias, com valor de R$ 40 cada, e da multa, que pode alternar conforme o tipo de infração e reincidência.

Tags: abusos, Carnaval, motoristas, ruas, Salvador

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.