Jornal do Brasil

Sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

País

Governo libera recursos para Rondônia para ações de defesa civil

Agência Brasil

A Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, do Ministério da Integração Nacional, autorizou o repasse de R$ 564,8 mil para Rondônia para a execução de ações de socorro, assistência às vítimas e restabelecimento de serviços essenciais por causa da situação de emergência devido à cheia recorde do Rio Madeira.

O governo também reconheceu situação de emergência em Rio Branco, no Acre, em razão das inundações. As portarias foram publicadas hoje (25) no Diário Oficial da União.

O Ministério da Justiça autorizou o envio de homens da Força Nacional para Rondônia.Trinta bombeiros já seguiram para o estado na última sexta-feira (21). Eles são especializados no trabalho de resgate de vítimas e auxílio a desabrigados. Os bombeiros devem ficar na região por prazo de 30 dias, com possibilidade de renovação do período.

Já são 1.336 famílias retiradas de suas casas em Porto Velho (RO) e em mais 14 distritos da capital. Dessas famílias, 958 foram desalojadas e 378 estão desabrigadas. A cheia também afetou os estados do Acre e do Amazonas. No Acre, há 331 famílias abrigadas no Parque de Exposições de Rio Branco, de acordo com o governo local. No Amazonas, a cheia dos rios causou estragos na região do Alto Juruá.

A Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil também reconheceu situação de emergência nos municípios de Boca do Acre (AM), Guaraciama e São Sebastião do Maranhão, ambos em Minas Gerais, Doutor Ricardo, Formigueiro e Monte Belo do Sul, no Rio Grande do Sul, Barra do Choça, na Bahia, e São Joaquim, em Santa Catarina.

Tags: Civil, DEFESA, Madeira, Rio, socorro

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.