Jornal do Brasil

Quarta-feira, 20 de Agosto de 2014

País

Marinha inicia grande operação de fiscalização em águas brasileiras

Agência Brasil

A Marinha do Brasil iniciou, nesta segunda-feira (17), a Operação Amazônia Azul, cujo objetivo é intensificar a fiscalização da região marítima brasileira. Coordenada pelo Comando de Operações Navais, a operação também será utilizada para preparar os militares da Marinha para atuação durante a Copa do Mundo.

Serão cerca de 30 mil militares, 60 navios, 15 aeronaves e embarcações das Capitanias dos Portos. Esse é o maior efetivo empregado simultaneamente nas chamadas  águas jurisdicionais brasileiras. Dentre as ações previstas, os fuzileiros navais vão trabalhar na defesa de portos, terminais petrolíferos e plataformas de petróleo.

Além da região conhecida por Amazônia Azul – compreendida por um território de 4,5 milhões de quilômetros quadrados, que batiza a operação – embarcações da Marinha farão patrulhamento e inspeção naval por rios e lagos brasileiros. Outras instituições vão participar da operação, dentre elas a Força Aérea Brasileira (FAB), o Departamento de Polícia Federal (DPF) e a Secretaria de Receita Federal.

Apesar de não serem banhados pelo mar, o Distrito Federal (DF) e o estado de Goiás também estão no mapa da operação. Entre os dias 17 e 22 de fevereiro, fuzileiros navais vão reforçar a fiscalização do tráfego aquaviário no Lago Paranoá, no DF, e na região de Caldas Novas (GO). Nesses locais, a Polícia Militar Ambiental e o Corpo de Bombeiros vão prestar apoio. Os condutores de barcos, lanchas, moto aquática e outras embarcações, que não estiverem em dia com suas documentações, poderão receber notificação, multa, ou ter a carteira e a embarcação apreendidas.

 

Tags: . azul, ação, águas, Amazônia, brasileiras

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.