Jornal do Brasil

Domingo, 21 de Dezembro de 2014

País

Líder do PT defende novo projeto sobre criação de município

Agência Brasil

O líder do PT no Senado, Humberto Costa (PT-PE), disse hoje (17) que a base do governo vai buscar um acordo com a Câmara dos Deputados em torno de um novo projeto de lei sobre a criação de municípios. A ideia, segundo Costa, é manter o veto da presidenta Dilma Rousseff sobre projeto que já foi aprovado anteriormente e que facilita a criação de municípios e discutir o assunto novamente em outro texto a ser apresentado no Congresso.

“Vamos trabalhar para criar um novo projeto que feche um pouco mais a possibilidade de serem criados novos municípios, mas que, ao mesmo tempo, dirija mais para as regiões Norte e Nordeste o surgimento de novas cidades”, explicou o líder.

O senador adiantou que, mesmo que o acordo com os deputados não seja alcançado, o governo vai trabalhar pra que o veto seja mantido. Humberto Costa esclareceu que, como o projeto que foi vetado é de iniciativa do Senado, se os senadores mantiverem o veto a matéria nem precisará ser analisada pela Câmara. Essa será a estratégia para garantir que o veto não seja derrubado.

Nesse caso, os governistas contariam até com o apoio de alguns oposicionistas. O senador Álvaro Dias (PSDB-PR) disse que alguns senadores tucanos votaram contra o projeto quando ele foi aprovado e que a “coerência” manda que eles votem agora pela manutenção do veto. “Nós votamos contra o projeto porque entendemos que o Brasil não está em condição de ampliar estruturas e criar despesas. O Estado brasileiro tem que ser reduzido, crescemos demais. Por isso votamos contra esse projeto e obviamente a coerência nos recomenda votar a favor do veto”, disse.

Deputados e senadores vão se reunir amanhã (18) para analisar quatro vetos presidenciais em sessão do Congresso Nacional, às 19h. A votação obedece a resolução do Congresso que estabelece que os vetos deverão ser apreciados sempre nas terceiras terças-feiras de cada 

Tags: liderança, municípios, Novos, partidos, votação

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.