Jornal do Brasil

Domingo, 26 de Outubro de 2014

País

Ativistas em defesa dos direitos dos animais acampam em frente ao Congresso

Agência Brasil

Ativistas em defesa dos direitos dos animais começaram a acampar hoje (17) no gramado em frente ao Congresso Nacional para pressionar parlamentares a aprovar projetos de lei que contemplem a causa. O Acampamento Nacional pelos Direitos dos Animais contava com cerca de 60 pessoas e 30 barracas nesta manhã. A coordenação do movimento espera mobilizar mais de mil pessoas até quinta-feira (20) em Brasília.

Na pauta de reivindicações do movimento estão a instalação de uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) para investigar maus-tratos a animais e a aprovação do Projeto de Lei (PL) 1.376/2003, que regulamenta a esterilização gratuita de cães e gatos para controle sanitário e de natalidade, para impedir que o procedimento seja feito sem critério nos centros de zoonose.

Os ativistas também reivindicam a aprovação do PL 6.602/2013, que veta o uso de animais em testes de produtos cosméticos e de higiene, a proibição de animais em circos no país e o aumento da pena para maus-tratos e crueldade contra animais.

Segundo a coordenadora do acampamento, Carolina Mourão, essa é a primeira ação nacional conjunta dos ativistas e protetores dos animais. “Temos 11 projetos que são a prioridade da causa, entre eles o carro-chefe que é o PL 1.376/2003, que regulamenta a esterilização gratuita de cães e gatos em território nacional. Essa é a maior demanda do movimento. Temos esperança de que a pauta de votação seja destrancada para a causa animal,” disse.

A integrante da organização não governamental Santuário de Elefantes Brasil, Nelma Souza, disse que está na mobilização para pressionar pela proibição dos animais em circo. “Dez estados já proibiram o uso de animais em circo. Eles sofrem maus-tratos e são muito explorados”, disse.

As ativistas Catalina Melo e Gerlande Gomes de Oliveira, de Campina Grande, na Paraíba, contam que fazem trabalho de resgate e cuidado de animais que vão para abrigos. “Também trabalho em escolas fazendo palestras e levando essa temática de educação humanitária e bem-estar animal, mostrando que os animais têm sentimentos e direitos e merecem todo o respeito”, disse Catalina.

Na manhã desta terça-feira (18), está prevista a visita dos deputados da Frente Parlamentar em Defesa dos Animais ao acampamento dos ativistas.

Tags: animais, Brasília, cpi, direitos, protesto

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.