Jornal do Brasil

Quinta-feira, 28 de Agosto de 2014

País

Frente fria causa alagamentos e deixa 2 mil desalojados em Santa Catarina

Portal Terra

A ressaca registrada em praias de Santa Catarina assustou banhistas neste sábado. Após 20 dias com calor intenso e temperaturas recordes no Estado, a passagem de uma frente fria trouxe prejuízos e afetou mais de cinco mil pessoas.

Em menos de 24 horas, os termômetros registaram queda de 15°C em algumas localidades. O dia claro e sem nuvens deu lugar à chuva forte e rajadas de vento que chegaram aos 80km/h. Na capital Florianópolis, entretanto, o mar agitado acabou sendo a maior "atração" para turistas que visitaram a cidade neste sábado, dia 15. No chamado "ponto da Caldeira", no sul da ilha, a água avançou por toda a faixa de areia e chegou a derrubar árvores e um posto de salva-vidas.

A praia da Armação do Pântano do Sul, que foi praticamente destruída pela ressaca em 2010, permanece em estado de alerta: a previsão do Centro de Recursos Ambientais do estado (CIRAM) é de que as ondas possam causar estragos entre a noite deste sábado e, principalmente, o início da madrugada do domingo.

A atenção dos órgãos estaduais também está voltada para a região sul do Estado, onde mais de mil pessoas foram desalojadas em, pelo menos, oito municípios. Cerca de 800 delas apenas em Criciúma, onde a chuva registrada em 24 horas foi o equivalente ao previsto para todo o mês de fevereiro.

De acordo com o CIRAM, o risco de chuva mais intensa persiste no litoral para o domingo. A atenção maior, no entanto, é para o risco de ressaca e inundações decorrentes da chamada maré astronômica. "Há risco de inundações momentâneas associados à maré alta nas áreas costeiras mais vulneráveis. Ventos de sudeste a leste de 40 a 60km/h", afirma o órgão em aviso especial divulgado neste sábado.

A previsão de chuva permanece pelo menos até a próxima terça no litoral catarinense, com acumulados que podem chegar aos 50mm na região norte.

Tags: alerta, capital, chuva, Previsão, SC

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.